Teste de Estanqueidade

Teste de estanqueidade em tubulação de gásTeste de Estanqueidade é um método que usamos para avaliar se existe qualquer tipo de vazamento na tubulação de gás, por meio de pressurização com ar comprimido. Com essa pressão de ar dentro de toda a tubulação de gás, que é monitorada com auxílio de um aparelho chamado manômetro podemos medir se a pressão diminui, caso afirmativo, existe então um vazamento na tubulação. Com esse mesmo aparelho é possível saber a quantidade de gás ou água que está vazando da tubulação, para constatar se pode ser recuperada com uma manutenção feita com a aplicação de resina na tubulação de gás que é capaz de interromper os vazamentos. Caso contrário será necessária a substituição de toda a rede dos canos de cobre. Ele é realizado também de forma preventiva apenas para ter certeza de que não existem vazamentos e por isso é uma das exigências dos bombeiros.

Qual é o procedimento do teste de estanqueidade

  1. É inserido o ar pressurizado dentro da tubulação que está sendo avaliada;
  2. Avaliação de todas as conexões e componentes que podem apresentar vazamento;
  3. Aguardar por mais ou menos 30 minutos e repetir caso necessário o procedimento para ter certeza;
  4. Avaliar com a ajuda do manômetro se houve uma perca de pressão.

Qual o prazo entre um teste e outro

instalação de tubulação de gásPela associação brasileira de normas técnicas (ABNT) na norma de numero NBR 15358 se diz que deve ser realizada uma inspeção periódica em tubulações comerciais ou industriais, com intervalos de 12 meses para tubulações que nunca tiveram nenhum tipo de problema ou reparo realizado. Se alguns canos já
passaram por algum tipo de manutenção ou foram trocados, esse prazo deve cair para 6 meses.

Alem do teste de estanqueidade, devem ser avaliados outros fatores na inspeção periódica da tubulação

  • Todos os canos e componentes da tubulação estão devidamente desobstruídos e sinalizados;
  • Todos os dispositivos de ignição, valvular, mangueiras, relógios e conexões estão funcionando perfeitamente;
  • As conexões em geral entre a tubulação e os outros componentes não apresentam corrosão ou suspeita de vazamento;
  • A pitura da tubulação esteja totalmente uniforme junto de seus suportes;
  • Cada elemento da tubulação esteja sinalizado.

Já para instalações de gás de cozinha residenciais, o prazo para uma inspeção é de 5 anos, porem vai do bom senso do morador avaliar se existe algum tipo de agente que possa prejudicar a integridade de todos os componentes da tubulação e diminuir esse prazo por segurança dele e das pessoas que vivem ao redor.

Quem tem aptidão para realizar uma inspeção das tubulações de gás

Os testes e inspeções devem ser realizados apenas por pessoas capacitadas como empresas de instalação de gás, engenheiros formados ou o próprio corpo de bombeiros de cada região.

Empresa de instalação de gás

Ao solicitar os serviços de uma empresa, solicite a ela que informe seu registro no CREA e se em sua equipe existe um engenheiro devidamente habilitado. Depois de qualquer serviço de detecção de vazamentos, a empresa deve fornecer ao cliente documentos como

  • ART: Documento que comprova o cadastro no CREA e pode servir como um tipo de garantia do serviço, para em caso de complicações, você pode exigir os reparos gratuitamente.
  • Laudo Técnico: Que comprova que todos os componentes da instalação estão totalmente seguros de vazamento e dentro das normas exigidas por lei. Esse documento pode ser importante na venda do imóvel ou caso ocorra algum incêndio e qualquer outro tipo de incidente com o imóvel.

A Aplitec tem conhecimento de todas essas características, normas e leis para executar inspeção periódica ou corretiva de tubulações de gás com canos de cobre ou qualquer outro tipo de material. Em caso de constatar um vazamento, a Aplitec prontamente executa o serviço de manutenção da tubulação de gás com a aplicação de resina, impedindo qualquer tipo de vazamento, ou em casos extremos realizar a substituição de toda a rede de gás com o serviço de instalação de tubulação de gás

Veja no vídeo abaixo como funciona: